COMPARTILHAR
LIVReS
DE QUEM É O PROBLEMA DE SEGURANÇA NA REDE?
 

Estou acordando e vejo que tenho 3 mensagens no celular. O banco quer saber se comprei durante a madrugada. Foram 3 produtos em 2 lugares diferentes, bem longe da minha caminha. Bem, assim que li a mensagem liguei para o número que vem nela, afinal 3 horas da madruga eu estava no paraíso de dante e não ouvi o pi pi zinho das mensagens. Uma, duas… 17 vezes eu liguei, até conseguir, uma hora e meia depois, chegar em alguém, depois de passar por 3 atendentes, e nas outras vezes a ligação cair aleatoriamente. O cartão foi bloqueado, mas terei que ligar 3 dias depois para estornar os pagamentos, pois os mesmos não foram ‘lançados’ na fatura. Normal, mais ligações até totalizar 40 e mais algumas horas, e consigo finalmente voltar onde estava, enquanto espero o correio me trazer um cartão novo que terei que desbloquear na agência… Mas qualquer um pode comprar com um cartão na internet, não usa senha, nenhum número secreto. O resto está lá, e passa de mão em mão o dia todo, fazendo meus pagamentos. E o louco é que fiz um cartão eletrônico, o famoso e-card, então se tenho ele, por que usaria este cartão? Por que não foi bloqueado quando criei o e-card…  E breve devo receber a fatura pelo cartão novo que me mandaram, afinal o cartão foi pra mim… Espera aí, e o seguro, que começou sendo cobrado a minha revelia, custava 1 real por mês, agora 3, em poucos anos… Eu nunca sei direito, mas sempre tenho a sensação de que alguma coisa não está correta.

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *